Você já pode rodar God of War no Linux com o Steam Play/Proton



O port de God of War para PC já está disponível no Steam e você já pode rodá-lo no Linux usando o Steam Play/Proton. Como não poderia ser diferente, a nova versão desse grande sucesso vem com novidades e melhorias que você esperaria, como gráficos aprimorados, suporte para ultrawide, NVIDIA DLSS, AMD FSR e assim por diante.

Como destacado pelo site GamingOnLinux, nos primeiro minutos do jogo, você poderá notar alguns travamentos com placas de vídeo NVIDIA. Isso acontece devido ao processo de compilação de shaders, mas o Steam deve distribuir os shaders do jogo já compilados para as mais variadas placas de vídeo dos usuários. Portanto, se você deseja uma experiência tranquila, geralmente vale a pena esperar uma semana ou mais. Dito isto, se você não se importar com alguns travamentos, não espere por mais tempo, pois fora isso, o game parece ser brilhante.



Contudo, você também pode gostar de saber que algumas opções de inicialização para o jogo podem ajudá-lo a fazer funcionar ainda melhor, ao corrigir a sincronização de voz labial dos personagens e melhorar o desempenho ao ativar o NVIDIA DLSS. Então, adicione o seguinte como opção de inicialização do game no Steam:
    PULSE_LATENCY_MSEC=60 PROTON_ENABLE_NVAPI=1 %command%    

Novo Proton Experimental traz correções para God of War


Com a chegada de God of War no PC, a Valve também liberou uma pequena atualização para o Proton Experimental com o objetivo de aprimorar o suporte para o título da Sony. A única mudança que conhecemos é a adição de uma versão atualizada do DXVK, que adicionou algumas novas opções que são ativadas por padrão para ajudar ainda mais o desempenho de God of War. Além disso, também facilita o uso do NVIDIA DLSS.

"God of War parece sólido no lançamento com Proton! Agradecimentos especiais à Sony por fornecer acesso antecipado para que a equipe de desenvolvimento pudesse prepará-lo antes do grande dia. A versão [do Proton] Experimental de hoje contém uma otimização de desempenho para ele", disse Pierre-Loup Griffais, engenheiro da Valve, no Twitter.
Tecnologia do Blogger.