Ray Tracing com GPU AMD no Linux começa a se tornar realidade



Embora já seja possível rodar diversos jogos com Ray Tracing no Linux ao usar placa de vídeo da NVIDIA, o suporte da tecnologia para as GPUs da AMD é algo que ainda está sendo trabalhado, mas a boa notícia é que finalmente os resultados já estão aparecendo, com o Ray Tracing com chips Radeon no Linux começando a se tornar uma realidade, com alguns títulos já podendo ser executados com o recurso habilitado, que permite obter melhores efeitos de luz nos games.

A boa notícia vem do desenvolvedor Bas Nieuwenhuizen, que através de uma postagem em seu blog pessoal revelou que após 9 meses de trabalho duro já é possível obter suporte para Ray Tracing em jogos com GPUs AMD no Linux. Ainda, segundo ele, o jogo que funcionou na primeira tentativa depois de obter todas as funcionalidades necessárias para suportar a tecnologia foi Control.


Além de Control, outros jogos que também funcionaram nos testes do desenvolvedor, estão Quake 2 RTX e Metro Exodus. Já os títulos que não funcionaram são Ghostrunner e Doom Eternal.

"Claro que o [trabalho no] suporte está longe de terminar. Algumas coisas ainda para progredir", explica Bas Nieuwenhuizen. "[Como] melhorar o modelo de compilação do pipeline para fazer o ghostrunner funcionar".

O desenvolvedor espera ver esse suporte inicial ser lançado oficialmente no próximo trimestre, com o AMD Ray Tracing funcionando no Linux até o final do ano.

Tecnologia do Blogger.